Poema de duas leituras

Existia feito erva daninha nos quintais

Enlameava bens comuns e dominicais

Protegia reformas e contra reformas nos jornais

Pois lhe serviam de cobertura, disfarce e muito mais

 

Constrangia quem não seguia suas regras sociais

Seriam conjunturais seus desconhecimentos gerais?

Sumia diante de princípios morais e fins racionais

Repartia o ganho com regulares comensais

 

Cabia onde não lhe cabia por ocasião dos cabedais

Dividia o tempo em fatias, assim como seus desiguais

Nascia mamífero entre outros tantos animais

Morria sem dó e sem paz

* As imagens foram tiradas do cartaz da comédia Trocando as Bolas que eu adorava assistir na Sessão da Tarde quando era criança

5 comentários sobre “Poema de duas leituras

Deixe uma resposta para ludoevico Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s