Quero Ser Body Positive

Esse Blog já comentou algumas vezes sobre corpo, fomes, positividade corporal e neutralidade corporal, em forma de poesia, de conversa, por palavras e imagens.

Há alguns anos decidi que queria ser Body Positive e descobri muito sobre mim, sobre outras mulheres, sobre ser dona do meu corpo e da minha vida nesse processo.

Quero Ser Body Positive é o livro que eu acabei de publicar na Amazon sobre o caminho que eu percorri para aceitar e amar o corpo que eu tenho do tamanho que ele é, com saúde, representatividade e conforto.

Compartilho as primeiras páginas do Livro aqui no Blog. Espero que vocês gostem!

Beijos

Mariana

Há cinco anos eu estava me questionando se tinha que tentar emagrecer (como sempre) ou podia tentar ficar satisfeita com meu corpo.

Eu só comecei a ter essa dúvida porque já existia o movimento Body Positive: a opção de viver em paz com meu corpo sem ter que ser uma pessoa magra.

Body Positive é um movimento criado nos Estados Unidos na década de 1990, inspirado por outro movimento, o Body Positivity dos anos 1960.

O movimento da década de 1960 lutava contra o racismo, o capitalismo e a indústria da dieta, de forma subversiva, por meio do amor pelo próprio corpo, mesmo que ele fosse discriminado pela mídia.

O Body Positive, dos anos 1990, correu o mundo com a ajuda de empresas como a Dove, pioneira nas campanhas publicitárias com mulheres de corpos reais.

Ele parece uma forma que as próprias empresas criaram para se desculpar (e também lucrar) com as mulheres depois de décadas de ataque à autoestima delas.

Acontece que muita gente boa aderiu ao movimento para repensar a relação que temos com os nossos corpos e ocupar as redes sociais sem esconder a barriga.

Então tá. Eu achei que tinha o direito de ser gorda por causa do movimento Body Positive. E depois?

A verdade é que eu não recebi aplausos pela decisão, não foi rápido e não foi fácil.

Mesmo morando em uma cidade grande não encontrava roupas bonitas pra mim e só via gente mais magra que eu na TV, na internet e até na rua.

Resultado: perdi a vontade de me cuidar, de pintar o cabelo, de usar maquiagem, de me depilar e de sair de casa.

Hoje eu percebo que me sentia maior do que eu realmente estava, mas ainda que eu estivesse muito gorda, meu corpo não merecia ser abandonado.

Cerca de dois anos depois que decidi ser gorda, me mudei para o interior, pelo custo de vida e pela segurança. Consegui um trabalho que foi maravilhoso. Estava tudo acontecendo como eu sonhava. Era amada em casa e realizada na profissão, mas continuava me escondendo debaixo de moletons e isso não era o que eu queria, principalmente no verão.

COMO ALGUÉM SE TORNA BODY POSITIVE?

A grande demonstração de respeito e aceitação das minhas medidas foi o dia em que mesmo sem ter os vestidos XL ou GG dos sonhos, me desfiz de grande parte do que tinha no armário seguindo os ensinamentos de um livro de organização pessoal:

  • Guardei as poucas peças que ainda me davam felicidade;
  • Reconheci o desejo de cuidar melhor de mim;
  • Agradeci o que estava descartando, pois já tinha feito parte da minha vida.

Demorou um tempão pra repor as roupas no armário, mas eu fui improvisando com o que sobrou.

Aceitei que seria um longo caminho e que daria trabalho ser Body Positive, mas abracei a causa porque achava que valeria a pena e ainda acho.

Quero Ser Body Positive é minha trajetória para me amar, com meu corpo, minha personalidade, meus gostos e valores.

A conquista desse amor veio com teoria, prática e persistência até eu me sentir confortável para passear de mãos dadas comigo.

Três conceitos foram fundamentais nesse processo Body Positive: Representatividade, Conforto e Saúde.

Representatividade, Conforto e Saúde foram os três pilares que me orientaram a seguir a vida sendo gorda sem sentir que deveria deixar de ser gorda para ser feliz.

Representatividade, Conforto e Saúde também são as bases de tudo o que eu escrevo aqui.

Com a proposta de mostrar como consegui ser Body Positive e te orientar a chegar lá, desenvolvi o livro em capítulos que terminam com exercícios e sugestões.

Desejo que minhas palavras Body Positive abracem seu corpo e o deixem ainda mais bonito.

Mãos à obra!

11 comentários sobre “Quero Ser Body Positive

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s